domingo, 2 de dezembro de 2007

a Bailarina vai a Santos com espetáculo tempo.Depois






















Santos, 24 de novembro de 2007




"Depois de uma noite na praça Rooseveld, o Cabaret Voltaire paulistano, onde conheci alguns dos mais significativos artistas da sena (ops, força do hábito, saudades de Paris), digo, cena contemporânea latino americana; depois de acalorados debates sobre a bienal do vazio vindoura (ou não), chegamos a Santos, maior porto ao sul do Equador, onde a la Cia de Teatro apresentaria o espetáculo tempo.Depois. ", rememora a Bailarina abalada pelo jet lag e declara, "esses jovens são muito criativos", referindo-se ao ator e autor Rodrigo Nogueira, a atriz e cineasta Fernanda Felix e ao coreógrafo, cool e coach Michel Blois.


A Bailarina num híbrido de ímpeto estético performativo e impulso curioso investigativo não se conteve e invadiu a cena em busca de pistas. Denúncias anônimas teriam dado conta de que em Santos estaria um importante elo do enigma. Como cabe a todo enigma não-linear , fragmentado e inconcluso que se preze, o elo, tal um significante deslizante, não foi encontrado.


sesc santos

2 comentários:

rosala disse...

vem lavar esse colant no meu tanq, ven

sucodecazuza.wordpress.com disse...

GENTE SE O FOUCAULT TIVESSE ESSAS COXA DE BAILARINA, EU LUSTRAVA AQUELA CARECA


AH LUSTRAVA